=>Carpe diem quam minimum credula postero

Terça-feira, 24 de Abril de 2007

Amor radicalmente radical...

Muito se tem falado de amor mas como este é que eu nunca tinha visto!
 
A revista francesa "Le magazine des voyages de pêche" na sua edição nº 56, traz uma notícia espantosa: uma história de amor admirável.

"Arnold Pointer um pescador profissional do sul da Austrália libertou uma grande fêmea de Tubarão Branco (Carcharodon carcharias) das redes de pesca em que tinha ficado presa, livrando-a de uma morte certa. Agora este pescador tem um problema: ele afirma :"Há dois anos que ela não me larga. Ela segue-me para toda a parte. A sua presença faz fugir os peixes que quero pescar. Não sei mais o que fazer."

Efetivamente, difícil de se livrar de um tubarão de uma espécie protegida medindo 5 metros, estabeleceu-se uma afeição mútua entre Arnold e "Cindy". Arnold diz "A partir do momento que paro o barco ela aproxima-se, vira-se de costas para que eu lhe acaricie o ventre e o pescoço, ela grunhe, rola os olhos, bate com as barbatanas...“
Simplesmente admirável!!!”

As imagens falam mais do que as palavras:
 
 
 
 
 
 
tags:

by pdivulg às 00:22
link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De Galeriacores1 a 24 de Abril de 2007 às 11:01
É realmente uma história fantástica de amor como nunca antes tinha visto. Além disso esta é também, sem dúvida, a prova que estes animais são dotados de grande inteligência, uma inteligência que os cientistas ainda estão longe de averiguar. Isto faz-me lembrar de um outro fenómeno que tem sido reportado mais do que uma vez, o facto de muitas baleias, por exemplo, terem cometido suicídio colectivo nas praias dos EUA. E eu pergunto: não será que esses animais estão tentando transmitir-nos a todos uma mensagem importante? Talvez tenha a ver com a poluição dos oceanos. Sinceramente não sei a resposta mas não há dúvida que estas são questões importantes que nos obrigam a pensar.


De Secreta a 24 de Abril de 2007 às 11:19
Fantástico um amor assim. De facto surpreendente as variadas formas de amar . Eu adoraria ter um amor assim :)
Beijito.


De adryka a 24 de Abril de 2007 às 20:03
Olá acho que nunca cá passei, mas vou dizer-te achei fantástico. A estória que contas é fabulosa, embora eu n/ me gostava de ver perto daqueles dentes :) . Beijinhos e bom feriado


De padeiradealjubarrota a 26 de Abril de 2007 às 00:26
Inédito! Mas para o pescador um bicho de sete cabeças!


Comentar post

=>A Foto do dia

=>postas recentes

=> Mudança dos tempos

=> Ponto final

=> 95 Primaveras

=> Festa da Fé_Leiria 2010

=> Coleccionando flores....

=> Passatempo

=> Para onde vais Portugal

=> Os tempos mudam

=> O CÚMULO DA IRONIA .........

=> Anedota da Páscoa

=>arquivos

=> Outubro 2010

=> Julho 2010

=> Maio 2010

=> Dezembro 2009

=> Outubro 2009

=> Abril 2009

=> Fevereiro 2009

=> Janeiro 2009

=> Dezembro 2008

=> Novembro 2008

=> Outubro 2008

=> Maio 2008

=> Abril 2008

=> Março 2008

=> Fevereiro 2008

=> Janeiro 2008

=> Dezembro 2007

=> Novembro 2007

=> Outubro 2007

=> Setembro 2007

=> Julho 2007

=> Junho 2007

=> Maio 2007

=> Abril 2007

=> Março 2007

=> Fevereiro 2007

=> Janeiro 2007

=> Dezembro 2006

=> Novembro 2006

=> Outubro 2006

=> Setembro 2006

=> Março 2006

=>pesquisar

 

=>Outubro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


=>A passagem do dia

=>A citação

=>Escreva-me: pdivulg@sapo.pt

=>O Tempo por cá

=>Fases da lua


moon phases
 

=>Contador

=>mais sobre mim


=> Perfil

=> seguir perfil

. 6 seguidores

=>tags

=> todas as tags

=>O meu selo

PDivulg

SAPO Blogs

=>subscrever feeds