=>Carpe diem quam minimum credula postero

Quinta-feira, 1 de Fevereiro de 2007

14 Verdades Parte IV

10 - MAS A DESPENALIZAÇÃO NÃO OBRIGA NINGUÉM A ABORTAR...
 
  Está provado que a despenalização torna o aborto mais aceitável na mentalidade geral, e por isso mesmo leva na prática ao aumento do número de abortos. A lei não só reflecte as convicções duma sociedade como também forma essa mesma sociedade. O que é legal passa subtilmente a ser considerado legítimo, quando são duas coisas muito diferentes.
 
11 - PORQUE SE PROPÕEM PRAZOS PARA O ABORTO LEGAL?
 
Não há nenhuma razão  científica,  ética, ou  mesmo lógica  para qualquer prazo. Ou o bebé  é um ser  humano  e tem  sempre direito  à vida, ou é considerado uma coisa que  faz parte do corpo da mãe e  sobre  o qual  esta  tem sempre todos os  direitos  de propriedade. Os  próprios  defensores da despenalização sabem que  o aborto  em si mesmo é um mal e que a lei tem uma função dissuasora necessária,  por isso mesmo não pedem a despenalização  até  aos  nove  meses.  No  entanto,  é  de  perguntar  porque  é  que  até  às  10  semanas mulheres  e  médicos  não  fazem  mal  nenhum,  e  às  10  semanas  e  um  dia  passam  a ser  todos criminosos.
 
 
12 – SEGUNDO A LEI O PAI DA CRIANÇA TEM ALGUM DIREITO OU DEVER NESTA DECISÃO?
 
 
Não, o homem fica sem nenhuma responsabilidade, e também sem nenhum direito. A mulher pode abortar o filho  dum homem  contra  a vontade  dele. Quando a mulher  decide  ter  a  criança  a  lei  exige  que  o  pai,  mesmo contra vontade,  lhe dê o nome, pensão de alimentos  e até acompanhamento pessoal, mas se decide não o ter o pai  não  pode impedir  o  aborto  -  fica  excluído  na  decisão  de  vida  ou  de  morte  do  seu  próprio filho.
tags: , ,

by pdivulg às 00:10
link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De Verpara crer a 1 de Fevereiro de 2007 às 12:57
Esta confusão da pergunta ainda vai levar pessoas que são contra a liberalização de tal prática a votar sim.
Veremos dia 11.


De Caros Amigos a 1 de Fevereiro de 2007 às 13:00
Confusão e mais confusão.
Sou a favor da vida e por isso voto não!


De Galeriacores1 a 1 de Fevereiro de 2007 às 17:49
Com todas essas explanações sinceramente não sei como ainda haja gente capaz de votar sim no referendo. Segundo as estatísticas estarão cerca de 50% a favor e outros 50% contra, resta saber qual dos dois lados irá ganhar.


De sem discussao a 1 de Fevereiro de 2007 às 20:09
Que se decida no dia 11 de Fev. :p


Comentar post

=>A Foto do dia

=>postas recentes

=> Mudança dos tempos

=> Ponto final

=> 95 Primaveras

=> Festa da Fé_Leiria 2010

=> Coleccionando flores....

=> Passatempo

=> Para onde vais Portugal

=> Os tempos mudam

=> O CÚMULO DA IRONIA .........

=> Anedota da Páscoa

=>arquivos

=> Outubro 2010

=> Julho 2010

=> Maio 2010

=> Dezembro 2009

=> Outubro 2009

=> Abril 2009

=> Fevereiro 2009

=> Janeiro 2009

=> Dezembro 2008

=> Novembro 2008

=> Outubro 2008

=> Maio 2008

=> Abril 2008

=> Março 2008

=> Fevereiro 2008

=> Janeiro 2008

=> Dezembro 2007

=> Novembro 2007

=> Outubro 2007

=> Setembro 2007

=> Julho 2007

=> Junho 2007

=> Maio 2007

=> Abril 2007

=> Março 2007

=> Fevereiro 2007

=> Janeiro 2007

=> Dezembro 2006

=> Novembro 2006

=> Outubro 2006

=> Setembro 2006

=> Março 2006

=>pesquisar

 

=>Outubro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


=>A passagem do dia

=>A citação

=>Escreva-me: pdivulg@sapo.pt

=>O Tempo por cá

=>Fases da lua


moon phases
 

=>Contador

=>mais sobre mim

=>tags

=> todas as tags

=>O meu selo

PDivulg

blogs SAPO

=>subscrever feeds